O Grupo 1 Edição Digital Grupo 1 Mobile Fale Conosco
Receba nossas notícias

22/09/2017

Presenteie com arte

Publicado em 08/12/2016

A arte, sem dúvida nenhuma, é muito importante na vida das pessoas. Ela é renovadora. É sempre uma ideia de vanguarda. Há sempre um grupo de artistas que visualiza uma série de questões na fren

 
“A arte, sem dúvida nenhuma, é muito importante na vida das pessoas. Ela é renovadora. É sempre uma ideia de vanguarda. Há sempre um grupo de artistas que visualiza uma série de questões na frente de todos, tanto esteticamente como socialmente. A arte é sempre instigante. Ela sempre traz uma mensagem e alguma coisa que precisa ser despertada nas pessoas; inclusive, simplesmente, o senso estético”, afirma Patrícia Motta, da Galeria Glatt.
A Glatt produz gravuras de arte desde o início da década de 1970. Hoje, destaca-se no mercado por possuir um grande acervo de artistas e obras de diversas técnicas, bem como uma molduraria que permite manter a qualidade e a rapidez na entrega dos serviços.
“Acervo construído durante essas décadas. Ao todo são mais de 300 artistas diferentes que trabalharam aqui. Hoje em dia a gente tem um acervo grande dessas peças, que é o que comercializamos no varejo”, comenta Patrícia. A Glatt também trabalha com a restauração de gravuras, desenhos, papéis e obras de arte visual. 
Para este fim de ano, a galeria está preparando um bazar com o objetivo de divulgar o acervo. “[Vamos vender] principalmente peças pequenas, porque é muito difícil convencer a população a dar ou presentear arte. Parece que é coisa cara. Mas temos imagens aqui desde R$ 50,00. Então, queremos divulgar essa possibilidade”, afirma Patrícia.
“Estamos preparando uma série de peças menores para ter um preço mais acessível. E tudo com uma qualidade acima da média. Isso pode virar um presente de Natal mais sofisticado, por exemplo – arte brasileira de boa qualidade”, diz Patrícia. Peças importantíssimas, que representam a produção artística brasileira e, em última instância, a própria história da nação.
O catálogo construído ao longo dos anos é decorrente de inúmeras edições de artistas entre as décadas de 1970 e 2000. O pai de Patrícia, Elsio Motta, e o litógrafo Octávio Pereira começaram o ateliê. Os artistas foram aparecendo e aprendendo com eles. Uma geração que aprendeu a fazer esse tipo de gravura original e única. Nomes como Alfredo Volpi, Renina Katz, Roberto Burle Marx e Tomie Ohtake são apenas alguns dos artistas mais conhecidos que figuram no catálogo da galeria.
“Quando você coloca uma boa obra de arte na parede e convive com ela, todo dia descobre alguma coisa. Aquilo passa a fazer parte da sua vida. Quando você coloca alguma coisa que não tem um conteúdo maior, que não tem um senso estético mais apurado, você não olha mais para ela ou aquilo passa a te incomodar. Eu, particularmente, acho muito enriquecedor ter em casa peças com as quais você tenha ligação – ou seja, que te digam alguma coisa e tenham qualidade estética a ponto de você olhá-las todos os dias e gostar mais”, declara Patrícia. 
Quem não tem familiaridade com artes visuais e quer aprender um pouco – ou mesmo presentear alguém – não deve deixar de passar na galeria. Patrícia afirma que todos são sempre muito bem recebidos e que, com uma boa conversa, busca-se a imagem mais adequada para cada um. 
Para a Feira, a galeria oferece um brinde na compra de qualquer peça. O evento começa hoje (9) e segue até 22 de dezembro. 
Serviço: de segunda à sexta, das 9h às 18h, e aos sábados, das 10h às 15h; Rua Francisco Leitão, 128; Tel: 3085 3188; glatt.com.br; sandra@glatt.com.br

FECHAR

 
Publicidade
 
         
     


Gastronomia

Colunistas

Tecnologia