O Grupo 1 Edição Digital Grupo 1 Mobile Fale Conosco
Receba nossas notícias

25/07/2017

Uma nova “cara” para a Augusta

Publicado em 16/05/2012

Dos tempos em que era tema de canção da Jovem Guarda, nos anos de 1960, passando pela época em qu

 

Dos tempos em que era tema de canção da Jovem Guarda, nos anos de 1960, passando pela época em que era habitada apenas por prostitutas, menos de 15 anos atrás, a Rua Augusta teve diversas caras até chegar às feições atuais. 
Desde 2010, segundo dados da Embraesp (Empresa Brasileira de Estudos de Patrimônio), 12 empreendimentos imobiliários residenciais tomaram conta do chamado Baixo Augusta, área que concentra bares e clubes noturnos. O mercado surpreendeu a boemia no mês passado. Para construir um novo prédio, comprou o imóvel onde funcionava desde 2005 o Clube Vegas, um dos responsáveis pelo “revival” da rua. 
Resta a dúvida: quem quer montar residência ou abrir um escritório nesses imóveis está afeito a badalações ou gosta de sossego?  

FECHAR

 
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
 
         
     


Gastronomia

Colunistas

Tecnologia