O Grupo 1 Edição Digital Grupo 1 Mobile Fale Conosco
Receba nossas notícias

25/07/2017

Peter Oppenheimer da Apple irá se aposentar

Publicado em 05/03/2014

Na transição planejada, Luca Maestri será seu sucessor

A Apple® anunciou dia quatro que Peter Oppenheimer, vice-presidente sênior e CFO da Apple irá se aposentar no final de setembro. Luca Maestri, vice-presidente de Finanças e controller corporativo da Apple, irá suceder Peter como CFO, reportando-se ao CEO da Apple, Tim Cook. Peter irá passar a função de CFO para Luca em junho e o balanço de suas responsabilidades durante o tempo restante, permitindo uma transição profissional e sem problemas.
 
"Peter foi nosso CFO durante a última década quando a receita anual da Apple cresceu de US$ 8 bilhões para US$ 171 bilhões e nossa presença global se expandiu enormemente. Sua orientação, liderança e experiência contribuíram para o sucesso da Apple, não somente como nosso CFO, mas também em diversas áreas além das finanças, já que ele frequentemente assumiu atividades adicionais para dar assistência em toda a companhia. Suas contribuições e integridade como nosso CFO criaram um novo parâmetro de referência para CFOs de outras sociedades anônimas", disse Tim Cook, CEO da Apple.  "Peter é também um amigo querido com o qual sempre soube que poderia contar. Apesar de estar triste em vê-lo deixar a companhia, fico feliz em saber que ele estará dedicando tempo para si mesmo e para sua família. Como todos nós que o conhecemos podíamos esperar, ele criou um plano de sucessão para assegurar que a Apple não perca o ritmo".
 
"Luca possui mais de 25 anos de experiência global em gerenciamento financeiro sênior, incluindo funções como CFO de sociedades anônimas, e tenho certeza de que ele será um excelente CFO na Apple", adicionou Tim. "Quando estávamos recrutando um controller corporativo, encontramos Luca e sabíamos que ele se tornaria o sucessor de Peter. Suas contribuições para a Apple já foram significativas em seu tempo conosco e ele rapidamente ganhou o respeito de seus colegas em toda a companhia".
 
"Amo a Apple e as pessoas com as quais tive o privilégio de trabalhar e, depois de 18 anos de trabalho na companhia, chegou a hora de dedicar um tempo para mim mesmo e minha família", disse Peter Oppenheimer. "Há bastante tempo venho querendo viver na costa central da Califórnia e me envolver mais com a Cal Poly, minha alma mater; passar mais tempo com minha esposa e filhos; viajar para partes interessantes do mundo e algo que venho querendo fazer há muitos anos – cumprir com os requisitos para minha licença de piloto".
 
Como CFO, Peter supervisiona as funções de controladoria, tesouraria, relações com investidores, impostos, sistemas de informação, auditoria interna e instalações. Ele começou a trabalhar na Apple em 1996 como controller para as Américas e, em 1997, foi promovido para vice-presidente e controller de Vendas Mundiais e depois promovido para controller corporativo, antes de ser nomeado CFO. Na medida em que a receita anual da Apple cresceu mais de 20 vezes durante seu tempo como CFO, Peter supervisionou o desenvolvimento de uma estratégia financeira global, sistemas e procedimentos robustos e um balanço patrimonial muito forte. Sob sua liderança, a Apple construiu uma equipe financeira de classe mundial. Peter gerenciou a expansão das instalações, incluindo a adição de quatro centros de dados e o novo campus da Apple em Cupertino, todos eles movidos a energia renovável. 
 
Peter também se uniu recentemente à Conselho Administrativo da Goldman Sachs.
 
Luca possui profundo conhecimento dos principais aspectos das finanças com mais de 25 anos de experiência formando e liderando equipes financeiras em companhias globais com escala operacional e complexidade significativas. Antes de unir-se à Apple, Luca foi CFO tanto da Nokia Semens Networks quanto da Xerox. Desde que se uniu à Apple, em março de 2013, Luca gerenciou a maior parte das funções financeiras da Apple e fez um excelente trabalho, liderando estas funções enquanto também trabalhou de perto com os líderes seniores da Apple. 
 
Luca iniciou sua carreira na General Motors e passou 20 anos em funções dos setores financeiro e operacional nas Américas, Região Ásia-Pacífico e Europa. Durante seu trabalho na GM, Luca teve várias atribuições significativas na construção e operação dos negócios. Ele fazia parte da equipe que estabeleceu as operações regionais da GM na Região Ásia-Pacífico, incluindo investimentos em manufatura na China e na Tailândia. Depois ele foi CFO da equipe que reestruturou as operações no Brasil e na Argentina e fez com que a região voltasse a ser lucrativa. Sua última função na GM foi CFO de todas as operações da GM na Europa, que incluía mais de 45 países com receita líquida anual de aproximadamente US$ 40 bilhões.
 
Luca possui um histórico internacional excepcionalmente amplo, com tempo em que ele residiu e trabalhou na Itália, Polônia, Irlanda, Suíça, Cingapura, Tailândia, Brasil e Alemanha, bem como nos Estados Unidos.
 
Luca possui diploma em Economia da Universidade Luiss de Roma e possui mestrado em Ciências da Gestão da Universidade de Boston.
 
Fonte: Apple
 

FECHAR

 
Publicidade
Publicidade
Publicidade
 
         
     


Gastronomia

Colunistas

Tecnologia